.: a associação | história

Para não irmos mais longe no tempo, vinha, no mínimo, dos anos 80, a ideia de constituição de uma Associação na freguesia de Almoster.

Razões diversas, que não interessa estar agora a dissecar, conduziram a que nenhuma das tentativas de constituição se concretizasse.

Convocatória 22 de Abril de 1995

Eis que, no dia 22 de Abril de 1995, por iniciativa e após convocatória de um grupo de 10 Almosterenses, identificados e conforme publicação no Jornal "O Alvaiazerense" de Março de 1995 e avisos afixados nos locais públicos mais frequentados da freguesia, se realizou na Sede da Junta de Freguesia de Almoster uma reunião com o intuito de eleger uma Comissão Instaladora com as atribuições de constituir e legalizar a futura "Associação de Apoio Social , Cultural e Recreativa de Almoster".

Os Almosterenses presentes, elegeram a Comissão Instaladora, composta por 12 elementos. Na eleição da Comissão, presidiu a grande preocupação de a mesma integrar elementos do maior possível de lugares da Freguesia, o que se conseguiu. De salientar, a presença do Senhor Presidente da Junta de Freguesia que ficou a pertencer à Comissão e manifestou o seu total apoio quer à Comissão quer à futura Associação.

Entretanto, no Verão de 1995, a Freguesia sofreu o grande revés da catástrofe provocada pelo violento incêndio que dizimou mais de 80% da área florestal da freguesia, mais casas, haveres e gado. O estado de choque em que ficou a população e a preocupação de atender às dificuldades da mesma, com o apoio do Governo, da Câmara Municipal de Alvaiázere e da Junta de Freguesia provocaram algum desvio de energias e tempo que foram canalizadas para ocorrer à satisfação das necessidades mais prementes. Em Outubro de 1996, foi retomado o processo que levou à constituição e legalização da "ASCRA - Associação Social, Cultural e Recreativa de Almoster", que tem por objecto social:
" O desenvolvimento de actividades de apoio social, sócio-culturais, desportivas, educativas, científicas e artísticas".

Convocatória 06 de Dezembro de 1996

Foi intenção da Comissão Instaladora perspectivar uma Associação, com carácter essencialmente social, prevendo a satisfação das necessidades actuais e futuras da comunidade, composta, à data, por uma população, algo envelhecida, em que cerca de 30% tem mais de 65 Anos (aprox. 300 pessoas).

Seria também objectivo da Associação satisfazer as necessidades da população carenciada, quer infantil, quer jovem, quer idosa.

Os nossos objectivos primordiais eram a construção de um Centro de Apoio Domiciliário e de um Centro Comunitário, projectos que respeitassem o passado, assentes no presente e perspectivando o futuro.

Continua...

imprimir voltar topo